sexta-feira, 19 de junho de 2015

Fontes de Energia Renovável

FONTES DE ENERGIA RENOVÁVEL

Em função do início das atividades da Disciplina Tópicos Avançados em Engenharia e Ciência dos Materiais II (Bioenergia) - TEM 739 (PIPE - UFPR) no segundo semestre de 2015, retomamos o debate a respeito de energia renovável. As aulas da disciplina oferecida pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Ciência dos Materiais irão ocorrer no NPDEAS - Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Energia Autossustentável.

A crescente conscientização da população com respeito aos danos potenciais do uso de combustíveis fósseis, principalmente em relação às questões ambientais correlatas, provocou nas últimas décadas um aumento no interesse em fontes renováveis de energia. Há cerca de 200 anos a biomassa perdeu sua liderança histórica como fonte para a produção de carvão. Posteriormente observou-se o rápido crescimento no uso de petróleo e gás natural e, desta forma, o uso da biomassa ficou restrito particularmente às regiões agrícolas. 

Hoje, com o aumento do uso consciente das florestas e das grandes áreas de reflorestamento, o uso da biomassa ganhou destaque internacional e a demanda para o uso de derivados da madeira é crescente. A biomassa não se restringe apenas a derivados de madeira, mas também a qualquer produto de origem biológica que possa ser utilizado como combustível ou para outro fim industrial, e tem como vantagem ser renovável. Os desafios existentes são o desenvolvimento de cadeias produtivas eficientes em torno de um produto e o total aproveitamento do material, inclusive o aproveitamento de resíduos gerados e a verticalização das plantas industriais. 

Assim sendo, a comunidade de Engenharia Térmica pode colaborar com o desenvolvimento de tecnologias para acoplamento de processos como de conversão de resíduos em produtos de valor comercial ou na sua utilização para geração de energia. Existe muita oportunidade de aperfeiçoamento nas indústrias da madeira, cana-de-açúcar ou soja, tendo em vista que todas elas utilizam calor para conversão dos substratos em produtos. Substituir o gás natural ou a eletricidade usados para a geração de calor por fontes renováveis como pellets de biomassa residual, sem perdas no rendimento, podem aumentar em muito a eficiência energética de uma planta, bem como o reduzir o impacto ambiental.


Professor Colaborador do Programa de Engenharia e Ciência dos Materiais (PIPE - UFPR)
Gerente de Programas (NPDEAS - UFPR)

Nenhum comentário:

Postar um comentário